sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

PSDB mantém nome de Romero, mas não chega a consenso sobre prazo para definição de candidato da oposição

Poucas coisas mudaram no cenário da oposição após a primeira reunião do ano do PSDB, nesta sexta-feira (19). Encontro contou com a participação dos principais nomes do partido e resultou na manutenção da pré-candidatura do prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, ao Governo do Estado. Além da postulação do campinense, tucanos seguiram o discurso pela conservação da frente de oposição.
Porém, quando se trata do prazo para definição do candidato do grupo, os correligionários não conseguem chegar a um consenso. Enquanto o presidente estadual da legenda, Ruy Carneiro, reafirma que decisão precisa ter tomada até fevereiro, o senador Cássio Cunha Lima e Romero Rodrigues seguem a tese de que “quem tem tempo, não tem pressa”.
“Essa decisão não será tomada em janeiro, o PSDB compreende a manifestação do prefeito Luciano Cartaxo e temos certeza que com a experiência e maturidade que ele tem vai entender o prazo do PSDB. Não vamos chegar até abril, mas também não será agora em janeiro”, disse Cunha Lima.
Romero reafirmou o desejo pela postulação de governador e disse que em encontro ficou clara a compreensão do PSDB sobre a importância de ter uma candidatura própria, porém dialogando e mantendo-se unidos aos outros partidos de oposição. “O partido concordou e entende a importância do PSDB ter uma candidatura posta nas eleições de 2018. O que pedi ao partido foi para que intensifiquemos as ações consolidando esse nome para as eleições”, declarou prefeito de Campina.
Ruy teceu diversos elogios ao colega, falou sobre a “preferência” do partido por um nome dos quadros para a disputa, mas ponderou que escolha terá que ser a melhor para a oposição. “Romero colocou como sempre o nome dele à disposição, é um companheiro correto e descente. Lhe digo com todo conforto que todo partido prefere ter o governador do seu partido, e o no PSDB não seria diferente. Nós vamos escolher aquele que for o melhor nome para oposição, independente de ser do partido ou não”, afirmou Carneiro.
Além de Ruy, Cássio e Romero, participaram da reunião: ex-senador Cícero Lucena, deputado federal Pedro Cunha Lima, deputada estadual Bruno Cunha Lima, deputada estadual Eliza Vírginia, deputada estadual Camila Toscano, deputado estadual Tovar Correia Lima, prefeito de Patos Dinaldo Wanderley, prefeita de Monteiro Anna Lorena, prefeito de Guarabira Zenóbio Toscano, vereador e presidente da Câmara de João Pessoa Marcus Vinicius, e a presidente do PSDB Mulher da Paraíba Iraê Lucena.
Segundo Cássio, membros do PSDB têm um novo encontro marcado para após o Carnaval, onde irão começar a “afunilar as decisões.

Por: Blog do Gordinho

Temer assina projeto de lei que permite a privatização da Eletrobras

Resultado de imagem para ELETROBRÁS

BRASÍLIA — O presidente Michel Temer assinou, nesta sexta-feira, o projeto de lei para privatizar a Eletrobras. Na segunda-feira, o texto será enviado ao Congresso Nacional, onde precisa ser aprovado para que a operação seja concluída. O governo tem pressa para enviar a proposta e concluir a desestatização da estatal neste ano, pois o Orçamento conta com R$ 12,2 bilhões em receitas provenientes do processo de privatização.

O texto final do projeto foi discutido na última quinta-feira em reunião no Palácio do Planalto com a presença dos ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral), Eliseu Padilha (Casa Civil), (Dyogo Oliveira) e Fernando Coelho Filho (Minas e Energia) e do secretário-executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia. A avaliação é que o envio do projeto neste momento será uma sinalização positiva para o governo levar ao Fórum Econômico Mundial, em Davos (Suíça), para onde o presidente viaja na segunda-feira.

O modelo de privatização será por meio de aumento de capital mediante subscrição pública de ações, sem que a União acompanhe, sendo sua participação diluída ao ponto de perder o controle. Para a participação minoritária na companhia, este aumento de capital poderá ser acompanhado de oferta pública de ações de propriedade do governo.

A capitalização será usada para pagar por novos contratos de concessões para 14 usinas hidrelétricas que hoje operam a preços fixos. Elas passarão a ser remuneradas pela energia gerada a preços de mercado, mais altos que os atuais. Mas passarão a assumir riscos que hoje estão com os consumidores, como os custos extras associados à falta de chuvas.

É por meio desse pagamento que o governo vai faturar com a privatização. A previsão do Orçamento de 2018 é de uma arrecadação de R$ 12,2 bilhões. O valor final arrecadado será dividido por três. Além de ir para a União, um terço será destinado ao fundo setorial Conta de Desenvolvimento Energético (CDE). O restante ficará com a Eletrobras.

A ideia é fazer a CDE um “colchão”, com recursos pagos anualmente pela empresa, para absorver os custos extras decorrentes da geração por meio de usinas térmicas e do aumento do valor cobrado pelas usinas descotizadas. O fundo hoje é composto, em sua maior parte, com dinheiro pago na conta de luz de todos os brasileiros. O fim do regime de cotas será feito gradualmente, entre três e cinco anos após a privatização. Esse movimento exigirá que as distribuidoras de recomporem energia nos leilões de eletricidade organizados pelo Poder Executivo.

O governo também vai exigir que a Eletrobras pague um programa de revitalização do rio São Francisco. Serão desembolsados R$ 350 milhões anualmente nos primeiros 15 anos e mais R$ 250 milhões nos últimos 15 anos. Os valores serão atualizados pela inflação. O dinheiro vai sair por meio da subsidiária Chesf e será gerido por um comitê gestor coordenado pela Casa Civil da Presidência da República, com presença de vários ministérios e do governador de cada estado por onde passa o rio.

O GLOBO



MINERAL, DAMIÃO E DÉBORA PARTICIPAM DE ALMOÇO AO LADO DE ALIADOS E AFIRMARAM QUE OPOSIÇÃO EM SALGADINHO SEGUE FIRME

O deputado estadual Antônio Mineral, a ex-prefeita Débora Cristiane, o ex- prefeito Damião Mineral, os vereadores e vários outros aliados, participaram de um almoço no distrito de São José da Batalha. 
Na oportunidade o deputado que já conseguiu um ginásio de esportes para a localidade, se comprometeu em seguir contribuindo, juntamente com o grupo que faz oposição em Salgadinho.
"O ginásio Bebezão é prova do nosso compromisso, vamos continuar fazendo", disse Mineral. 
Débora e Damião também destacaram a importância da parceria com Antônio Mineral e a união do grupo oposicionista.
LF  
Data: 
quarta-feira, Janeiro 17, 2018 - 08:30
Compartilhe

Prefeitura de São Mamede inaugura nova sede da Secretaria de Desenvolvimento Social e Humano e do CREAS



A Prefeitura de São Mamede realizou nesta manhã de sexta-feira, 19/01, a inauguração da nova sede da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Humano e do CREAS.  A solenidade contou com a presença de Autoridades, Secretários da Administração, Profissionais da área e do Grupo de Idosos Saber Viver.
Com a unificação da área, o município possui hoje um “Complexo de Assistência Social”, incluindo a sala da Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres e Diversidade Humana, o Programa Criança Feliz, além do Conselho Tutelar e CRAS. A sede fica à Rua Luiz Xavier, s/n, centro.
Para a Secretária Municipal de Assistência Social, Rossana Medeiros, a área soma forças com essa nova estrutura e fica mais segura de suas ações e projetos a serem implementados agora em 2018.
A Assistente Social do CREAS, Tatiane Inácio, argumentou sobre a importância dos trabalhos que são realizados na comunidade, atendimentos sigilosos a mulher, criança, ao idoso, casos específicos de vulnerabilidade, violência e negligência.
O Prefeito Umberto Jefferson ressaltou a execução de mais uma obra com recursos próprios do município, desta vez, a população encontrará os serviços da Assistência Social em um único local. 

FERNANDO COLLOR ANUNCIA QUE VAI CONCORRER À PRESIDÊNCIA EM 2018

Resultado de imagem para fernando collor presidente
O ex-presidente e atual senador por Alagoas, Fernando Collor de Mello (PTC), anunciou, nesta sexta-feira (19), que é pré-candidato à Presidência da República em 2018. O anúncio foi feito em entrevista à rádio 96 FM, de Arapiraca (130 km de Maceió).
“Tenho uma vantagem em relação a alguns candidatos porque já presidi o país. Meu partido todos conhecem, sabem o modo como eu penso e ajo para atingir os objetivos que a população deseja para a melhoria de sua qualidade de vida”, disse.
O comunicado da candidatura, porém, foi feito instantes antes, no final da manhã desta sexta, durante a instalação do diretório regional do PTC na cidade de Arapiraca. Ele anunciou ao pequeno grupo que o ouvia que tomou a decisão. “Eu digo a vocês que esse é momento dos mais especiais da minha vida pessoal e como homem público. Porque hoje a minha decisão foi tomada: sou, sim, pré-candidato à Presidência. Obrigado e vamos à vitória”, disse, em breve discurso.
Collor já foi presidente do país entre 1990 e 1992, quando se tornou o primeiro chefe da República a sofrer impeachment. Em seu lugar assumiu o seu vice, Itamar Franco.
Collor se filiou ao PTC em abril de 2016. O partido é uma nova versão do PRN. “Pesou na decisão a identidade programática e a relação histórica com dirigentes nacionais da legenda, como o presidente Daniel Tourinho. O partido, com o número 36, sucedeu o antigo PRN, sigla pela qual Collor elegeu-se presidente da República, em 1989”, disse o senador, em nota à época.
Em entrevista ao UOL em 2016, Collor falou sobre o seu processo impeachment e disse que só caiu da Presidência porque teve uma relação ruim com os parlamentares. “Um dos equívocos que cometi como presidente da República – potencializado pela caduquice, o anacronismo do sistema presidencialista a industrializar crises – foi o de ter tido com o Congresso Nacional uma relação inadequada”, disse.
Uma das plataformas mais defendidas por Collor desde que foi eleito ao Senado, em 2006, é a adoção do parlamentarismo no país. “Eu cultivo a crença de que esse cenário político, sombrio e desacreditado, mudaria radicalmente com a adoção do parlamentarismo, que é uma forma eficiente e moderna de resgatarmos o relacionamento político para uma governança mais ágil, eficaz e dinâmica”, afirmou na mesma entrevista em 2016.
Em 2007, quando chegou ao Senado, Collor fez um pronunciamento histórico, que durou três horas, onde chorou e falou sobre os “abusos” cometidos pela CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investigou o esquema PC Farias.
Collor foi processado no STF (Supremo Tribunal Federal), mas acabou inocentadode todas as ações. A última delas, em abril de 2014 . Em novo discurso no Senado, questionou: “quem me devolverá o que me foi tomado?”
Réu na Lava Jato
No entanto, em agosto do ano passado, a 2ª Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu abrir ação penal contra o senador, que se tornou réu em investigação aberta a partir da Operação Lava Jato.
O STF tornou Collor réu pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa. A PGR (Procuradoria-Geral da República) ainda havia denunciado o senador por outros dois crimes – obstrução da justiça e peculato -, mas estes não foram aceitos pelo STF.
Também se tornaram réus ao lado de Collor Luis Pereira Duarte de Amorim, administrador de empresas ligadas ao senador, e Pedro Paulo Bergamaschi de Leoni Ramos, apontado como operador do senador pela Procuradoria.
Entenda a denúncia contra Collor
A Procuradoria acusa Collor de ter utilizado influência do PTB sobre a BR Distribuidora para negociar R$ 29 milhões em propina oriunda de um contrato de troca de bandeira de postos de combustíveis, bem como em função de contratos de bases de distribuição de combustíveis.
Collor deixou o PTB em março do ano passado e migrou para o PTC, antigo PRN, partido pelo qual se elegeu presidente em 1989.
A denúncia descreve ainda o pagamento de propina por empresas representadas por Fernando Soares, o Fernando Baiano. O senador é acusado de receber R$ 1 milhão a partir de contratos de gestão de pagamentos e programa de milhagens.
A Procuradoria também acusa Collor de ter comprado carros de luxo, uma casa em Campos do Jordão, obras de arte e antiguidades como forma de lavar o dinheiro fruto do esquema de propina.
Os carros de luxo, apesar de serem de uso pessoal, eram registrados em nome de empresas ligadas ao senador. Collor adquiriu uma Lamborghini (por R$ 3,2 milhões), uma Ferrari (R$ 1,45 milhão), um Bentley (R$ 975 mil), uma LandRover (R$ 570 mil), um Rolls Royce (R$ 1,35 milhão) e uma lancha (R$ 900 mil).
Collor também foi denunciado por tentativa de obstrução à Justiça, por ter, segundo a Procuradoria, chegado a pedir o estorno de depósitos em dinheiro feitos em contas ligadas ao parlamentar, depois que comprovantes desses pagamentos foram encontrados em buscas em uma empresa do doleiro e delator Alberto Youssef. A denúncia por obstrução de Justiça foi rejeitada pelo STF.
O que diz o senador
Apesar de ter virado réu por três crimes, o senador destacou, em nota, o fato de a Corte não ter aceitado a denúncia integral oferecida pela PGR.
“O Supremo Tribunal Federal impôs, no julgamento de hoje, uma primeira derrota à Procuradoria-Geral da República, pois, dos nove denunciados, somente a recebeu em relação a três deles, ainda assim em parte, afastando cinco de oito crimes imputados, tendo os Ministros da Corte, em discurso unânime, repudiado os excessos da acusação”, diz o texto.
“O senador acredita que, como no passado, terá oportunidade de comprovar sua inocência na fase seguinte do processo, colhendo, mais uma vez, o reconhecimento de sua inocência”, encerra a nota.
Uol

Graças ao Deputado Federal Efraim Filho São Mamede será a primeira cidade do Vale do Sabugi a ter principais ruas asfaltadas e prefeito Umberto Jefferson agradece em nome de toda a população

Imagem relacionada

A cidade de São Mamede situada na região do seridó, será a primeira cidade do Vale do Sabugi a ser contemplada com pavimentação asfáltica graças ao empenho do deputado federal Efraim Filho. 

São Mamede vem recebendo inúmeras ações do jovem parlamentar que também é primo do prefeito Umberto Jefferson e assim sendo, não tem medido esforços para conseguir emendas que venham a contribuir para o desenvolvimento da cidade.

O valor da obra, R$ 540,00 mil, e já é aguardada com entusiasmo por toda a população São-mamedense.


Blog Revista São Mamede

FAMÍLIA UNIDA - Com ajuda do primo o Dep. Efraim Filho, prefeito Umberto Jefferson assina contrato de repasse no valor de R$540.000,00 para Pavimentação Asfáltica das principais ruas de São Mamede



O prefeito Umberto Jefferson postou em sua página do facebook uma foto em que o mesmo assinava o contrato de parceria entre a caixa econômica federal e a prefeitura municipal no valor de 540 mil reais para pavimentação asfáltica das principais ruas da cidade, segundo o próprio prefeito, fruto da atividade parlamentar do deputado federal Efraim Filho.


Veja a postagem:


Assinado contrato de repasse no valor de R$540.000,00 celebrado entre o Município de São Mamede e a CEF para Pavimentação Asfáltica das principais ruas da cidade, fruto da atividade parlamentar do nosso Deputado @efraimfilhopb . #PoucaConversaMuitoTrabalho

Blog Revista São Mamede

Governo cobra Taxa de Segurança a comerciantes mesmo com aumento da violência


Governo cobra Taxa de Segurança a comerciantes mesmo com aumento da violência

Comerciantes de Campina Grande estão perplexos com a cobrança que receberam nos últimos dias. Trata-se de uma taxa da Fesp (Fundo Especial de Segurança Pública), que é cobrada supostamente para o Governo promover ações de segurança em favor das empresas. A ironia é que a cobrança da taxa ocorre no momento em que mais se registram assaltos a estabelecimentos no Estado.

O empresário que acionou o Blog, como se vê no texto, não tem certeza se é obrigado a pagar a taxa (de R$ 197,60), mas, pelos termos do boleto, o Governo sinaliza ser obrigatória, e cita, inclusive, o poder de polícia. O prazo para o pagamento dos boletos é 28 de fevereiro.

Inconstitucional – Segundo o advogado Cláúdio Toledo Sant’anna, “a taxa de segurança pública seria inconstitucional, pois o Estado oferece segurança de forma generalizada, ou seja, não é possível que uma determinada pessoa contrate certa quantia de policiais pagando o preço exigido”.

E ainda: “Algumas pessoas preferem pagar taxas inconstitucionais devido o baixo valor não compensar o processo judicial. Daí a importância das entidades de classe e do Ministério Público, pois estes podem ingressar em juízo com ações coletivas que declaram a inexigibilidade das taxas inconstitucionais.” (mais em https://goo.gl/PXrTi8)


Blog Helder Moura

Registros de chuva na tarde desta quinta (18) no município de São Mamede, confira:

Registros de chuva na tarde de hoje no município de São Mamede
O céu está preparado para chover em Patos e região e, segundo informações, já chove em alguns municípios da região.
O pastor John Philip Medcraft Informou nesta quinta (18) que em sua reserva Verdes Pastos, localizada no município de São Mamede, choveu 9 mm. E o clima continua pra chuva.
A foto que ilustra esse texto é justamente a foto postada por ele em sua conta no Facebook. “Esta foto foi tirada logo na entrada da propriedade. Agora as coisas vão começar a ficar mais verdes! É um começo”, disse o pastor com muito entusiasmo e a esperança de um 2018 com um bom inverno.
Folha Patoense – folhapatoense@gmail.com

Foto: Pastor John Philip Medcraft

Ricardo Coutinho sai em defesa de Lula e vê falta de respeito ao ex-presidente

Imagem relacionada

O governador Ricardo Coutinho (PSB) saiu em defesa do ex-presidente Lula (PT) que será julgado no próximo dia 24 pelo TRF-4 e poderá ficar inelegível para as eleições 2018. Durante solenidade em Mamanguape, nesta quarta-feira (17), o socialista afirmou que Lula está sendo condenado sem apresentação de provas  e considerou que o fato é grave para a democracia brasileira.

“Justiça você faz com provas. No dia em que a Justiça passar a ser feita sem provas acabou o Estado de Direito. É grave isso”, pontuou o socialista acrescentando que “é muita falta de respeito o que estão fazendo com um grande brasileiro chamado Luiz Inácio Lula da Silva”.

PolemicaPB

Prefeito Umberto Jefferson inaugura nova sede do CREAS e da Secretaria de Desenvolvimento Social e Humano, nesta sexta (19),

A imagem pode conter: texto

O prefeito de São Mamede, Umberto Jefferson, inaugura nesta sexta-feira (19), as 9h a reforma da nova sede do CREAS e da Secretaria de Desenvolvimento Social e Humano, (Complexo de Assistência Social).


A nova sede do CREAS e da Secretaria de Desenvolvimento Social e Humano, está localizado na Travessa Luiz Xavier, nas proximidades da antiga usina de algodão "Carioca". 

BlogSãoMamede1

Coleta do lixo feita pela Secretaria de Infraestrutura de São Mamede passa a ser pelo período da manhã, confira:

A imagem pode conter: texto


A prefeitura municipal de São Mamede, através da Secretaria de Infraestrutura, comunica a todos os munícipes que a partir desta sexta-feira, 19, a coleta de lixo diária será a realizado somente pelo horário da manhã.

As coletas serão realizado nas segundas, quartas e sextas-feiras, sempre pelo período da manhã.

Mantenha a sua cidade limpa porque essa é uma responsabilidade de todos: Prefeitura Municipal e cidadãos conscientes trabalham com mais eficiência e isso afasta a poluição do meio ambiente deixando-o mais saudável.

BlogSãoMamede1

Cano da Adutora Coremas-Sabugi estoura mais uma vez e deixa Patos e região sem água

O gerente da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba, Regional das Espinharas (CAGEPA/Espinharas), Maciel Damasceno, enviou na manhã desta sexta-feira, dia 19, notícias sobre mais um estouramento de cano da Adutora Coremas-Sabugi.
O fato aconteceu na tarde desta quinta-feira, dia 18, nas proximidades do Município de São Bentinho. As equipes da CAGEPA e da empresa terceirizada CAVASA estão desde ontem tentando restabelecer a normalidade do fornecimento de água para Patos e região.
A expectativa é que os serviços sejam concluídos até o meio dia desta sexta-feira. Maciel Damasceno disse que estes estouramentos trazem prejuízos de desperdício de água, além de transtornos a toda a região, pois atrapalha o fornecimento e causa problemas no cronograma programado pela CAGEPA.
Nos últimos dias, tem se observado uma incidência maior de estouramento de canos da Adutora Coremas-Sabugi. Como os canos são de fibra de vidro, acredita-se que a resistência a pressão tem sido menor durante o passar do tempo. O projeto inicial era de canos de ferro fundido, mas foram substituídos por material mais barato.

 Jozivan Antero – Patosonline.com

Ruy rasga sua biografia ao receber salários junto com a esposa no Congresso?


Ruy rasgou sua biografia ao receber salários junto com a esposa no Congresso?


Um fato divulgado esta semana pela grande imprensa paraibana pegou muitos eleitores do ex-deputado Ruy Carneiro (PSDB) de surpresa.


A esposa de Ruy tem um gordo salário no gabinete de Cássio Cunha Lima (PSDB) no Senado.


Sem nunca ter dado um dia de expediente em Brasília, a esposa do presidente estadual do PSDB, Waleska Mara de Oliveira Barreto Carneiro, ganha um salário acima de R$ 10 mil do Senado Federal.


A notícia causou espanto por duas razões:


A primeira é que Ruy Carneiro também recebe uma polpuda remuneração mensal no gabinete do deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB).


A segunda é que como deputado, Ruy foi autor da famosa “lei antinepotismo” sancionado pelo então governador Cássio Cunha Lima.


A lei proposta por Ruy veda a nomeação para o exercício de cargo em comissão ou de confiança de cônjuge, companheiro ou parente em linha reta, colateral ou por afinidade, até o terceiro grau.


À época, o deputado se dizia pioneiro no posicionamento contra a prática de privilegiar parentes, amigos e conhecidos na seleção de funcionários públicos.


Estaria Ruy Carneiro agora rasgando a sua biografia e pondo um fim à sua longa luta contra o nepotismo e os privilégios no poder público?


Perguntar não ofende e o Blog do Ninja quer saber.


OUTRO LADO


Em nota, Ruy apontou que a divulgação dos vínculos empregatícios dele e de sua esposa junto aos gabinetes de Cássio e Pedro tiveram motivações políticas “claramente estimuladas por adversários”. Ele ressaltou ainda que ambas as funções são legais.


Leia abaixo na íntegra a nota divulgada por Ruy:


Nos últimos dias, informações distorcidas têm circulado em blogs de notícias, claramente estimuladas por adversários políticos, que usam o denuncismo e a difamação para nos atacar. Em respeito ao povo da Paraíba, sinto-me no dever de trazer a verdade dos fatos, de forma direta e transparente.


A Paraíba conhece minha trajetória na vida pública. Fui vereador, deputado estadual e federal e presido o maior partido de oposição no Estado, o PSDB.


Exerço uma função de assessoria parlamentar na Câmara dos Deputados e cumpro com minhas obrigações funcionais em João Pessoa e em Brasília, do mesmo modo que Waleska Mara de Oliveira Barreto Carneiro Belchior, que desempenha regularmente suas atividades em escritório parlamentar, em João Pessoa.


Os vínculos funcionais que Waleska e eu mantemos são públicos. Sempre de maneira legal e transparente, exercemos nossas atividades vinculados aos escritórios regionais que todo parlamentar da bancada federal precisa manter em seu Estado de origem.


Ruy Carneiro
Blog do Ninja

Mulher morre ao sofrer choque elétrico após colocar celular para carregar em Pernambuco

Mulher morre ao sofrer choque elétrico após colocar celular para carregar em Pernambuco


Ouça este conteúdo0:00100%
Uma mulher de 30 anos, identificada como Gercica Bárbara da Trindade, morreu vítima de um choque elétrico na noite da quarta-feira (17) em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, ela havia colocado o celular para carregar e recebeu uma descarga elétrica enquanto usava o aparelho.
Ainda segundo a PM, os paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram até o local, mas a mulher já estava morta. O caso ocorreu no bairro São José.
O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru. O caso foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil do município.
Ao G1, o delegado Julio Porto informou que a mulher também sofria de problemas de saúde, e que um exame tanatocópico será realizado para confirmar a causa da morte.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Design Blog, Make Online Money